Novas tabelas de retenção na fonte de IRS mudam no próximo ano. Rendimentos de salários e pensões até 710€ brutos mensais deixam de reter IRS na fonte.

O Ministério das Finanças publicou as novas tabelas de retenção na fonte de IRS. A atualização surge com base na proposta de aumento salário mínimo nacional dos 665€ para os 710€, a partir de Janeiro de 2022.

Saiba quanto irá descontar no Imposto de Rendimento sobre Pessoas Singulares em 2022

Conheça a seguir os valores de retenção de IRS já divulgados pelo Ministério das Finanças para o ano de 2022.

Novas tabelas do Imposto de Rendimento sobre Pessoas Singulares - Retenção na fonte em 2022

O IRS é uma tarifa para tributar o rendimento das pessoas físicas, residentes em Portugal, de uma forma global e personalizada. Esta taxa é aplicada a todos os contribuintes. A atualização das tabelas de retenção na fonte de IRS é feita anualmente e define o valor que será descontado pelos tributários, ao longo do período.

Novos valores de retenção de IRS na fonte para 2022

Segundo o despacho das Finanças, que fixa as tabelas de retenção de IRS, salários e pensões até 710€ deixarão de ser retidos no Imposto de Rendimento sobre Pessoas Singulares. Além da subida do valor até ao qual há isenção de IRS, as novas tabelas reajustam as taxas aplicáveis aos diferentes patamares de rendimento de trabalho. Veja a seguir, os valores de retenção do IRS na fonte a partir das novas tabelas do IRS 2022 e as diferentes condições associadas a cada uma delas.

Atualização dos valores tributados em IRS 2022

Confira a nova tabela do IRS 2022.

Exemplos de aplicação das novas tabelas de retenção de IRS na fonte 2022

Veja a seguir alguns exemplos práticos de aplicação das novas taxas do  imposto de rendimento sobre pessoas singulares.

1 - Casado - 2 titulares - sem dependentes

Rendimento BrutoRetenção 2021Retenção 2022Variação MensalVariação Anual
12600€ (900€/mês)92€91€-1€-13€
14000€ (1000€/mês)114€113€-1€-14€
28000€ (2000€/mês)442€438€-4€-56€
30000€ (2143€/mês)493€489€-4€-60€
35000€ (2500€/mês)625€620€-5€-70€

2 - Casado - 2 titulares - com 1 dependente

Rendimento BrutoRetenção 2021Retenção 2022Variação MensalVariação Anual
12600€ (900€/mês)67€66€-1€-13€
14000€ (1000€/mês)87€86€-1€-14€
28000€ (2000€/mês)432€428€-4€-56€
30000€ (2143€/mês)482€478€-4€-60€
35000€ (2500€/mês)615€610€-5€-70€

3 - Casado - 2 titulares - com 2 dependente

Rendimento BrutoRetenção 2021Retenção 2022Variação MensalVariação Anual
12600€ (900€/mês)59€59€-1€-13€
14000€ (1000€/mês)79€78€-1€-14€
28000€ (2000€/mês)396€392€-4€-56€
30000€ (2143€/mês)448€444€-4€-60€
35000€ (2500€/mês)595€590€-5€-70€

4 - Não Casado - com 1 dependente

Rendimento BrutoRetenção 2021Retenção 2022Variação MensalVariação Anual
12600€ (900€/mês)61€60€-1€-13€
14000€ (1000€/mês)80€79€-1€-14€
28000€ (2000/mês)408€404€-4€-56€
30000€ (2143€/mês)461€456€-4€-60€
35000€ (2500€/mês)610€6505€-5€-70€

5 - Não Casado - com 2 dependentes

Rendimento BrutoRetenção 2021Retenção 2022Variação MensalVariação Anual
12600€ (900€/mês)32€32€0€0€
14000€ (1000€/mês)57€57€0€0€
28000€ (2000€/mês)388€384€-4€-56€
30000€ (2143€/mês)439€435€-4€-60€
35000€ (2500€/mês)560€555€-5€-70€

6 - Não Casado - sem dependentes

Rendimento BrutoRetenção 2021Retenção 2022Variação MensalVariação Anual
12600€ (900€/mês)92€91€-1€-13€
14000€ (1000€/mês)114€113€-1€-14€
28000€ (2000/mês)442€438€-4€-56€
30000€ (2143€/mês)493€489€-4€-60€
35000€ (2500€/mês)625€620€-5€-70€

Outros exemplos de retenção na fonte do IRS 2022

Como a retenção na fonte funciona como um adiantamento tributário que os contribuintes têm a pagar, uma descida neste desconto mensal deverá traduzir-se num reembolso menor no ano seguinte.

Veja alguns exemplos de aplicação da atualização das tabelas do Imposto de Rendimento sobre Pessoas Singulares.

Solteiros com dependentes

Suponha um solteiro com dependentes:

  • Salário: 740€ brutos.
  • Taxa de retenção: baixa dos atuais 8% para os 4,5%.
  • Desconto mensal: recuará dos 59€ para os 33€.
  • Redução do desconto: aumento dos rendimentos mensais na ordem de 26€.
  • Redução total no final de um ano: 364€ (26€ x 14 meses).

Solteiro sem dependentes

Suponha um solteiro sem dependentes com salário bruto de 900€:

  • Salário: 900€ brutos.
  • Taxa de retenção: baixa dos atuais 6,7% para os 6.6%.
  • Desconto mensal: recuará dos 61€ para os 60€.
  • Redução do desconto: aumento dos rendimentos mensais na ordem de 1€.
  • Redução total no final de um ano: 14€ (1€ x 14 meses).

Suponha um solteiro sem dependentes com salário bruto de 2000€:

  • Salário: 2000€ brutos.
  • Taxa de retenção: baixa dos atuais: 22,1% para os 21.9%.
  • Desconto mensal: recuará dos 442€ para 438€.
  • Redução do desconto: aumento dos rendimentos mensais na ordem de 4€.
  • Redução total no final de um ano: 56€ (4€ x 14 meses).

As alterações das taxas de retenção do IRS 2022 na fonte representam podem representar maiores níveis de poupança para algumas pessoas ao longo de um ano. Até lá, não se esquece de garantir uma boa gestão das suas finanças.

Lembre-se, se precisar de ajuda para organizar o seu orçamento e começar a poupar imediatamente, pode simular um crédito consolidado, que permitirá reduzir as dívidas até 60%. Não perca mais tempo, faça já a sua simulação gratuitamente.